Tudo o que você precisa saber sobre limpeza de condomínio

Administrar um condomínio não é tarefa fácil, pois são muitas coisas para se atentar e gerir: limpeza, jardinagem, reuniões com moradores, etc.

Porém, um item essencial é a limpeza de condomínio. E essa tarefa fica ainda mais difícil conforme o tamanho e a estrutura do local.

Nesse post, separamos algumas coisas que você precisa saber para manter tudo em dia com a limpeza. Confira!

A limpeza de condomínio deve ser prioridade

Convenhamos: a primeira coisa que reparamos em um lugar é a limpeza. Ainda mais quando somos moradores.

Seus condôminos pagam o valor de manutenção do condomínio; portanto, estão certos em exigir que ele seja devidamente aplicado.

Manter as áreas comuns devidamente limpas é fundamental para a boa convivência e o aproveitamento desses espaços por todos.

Crie uma rotina

Nessa rotina, é importante discriminar quais áreas são de responsabilidade do condomínio e a frequência necessária para a limpeza de cada uma.

É tarefa do síndico administrar essas obrigações, assim como montar um planejamento e acompanhar sua execução.

Áreas que precisam de atenção

Na limpeza de condomínio, saber quais áreas devem ser limpas é importante para não se perder o controle. 

Confira abaixo as que costumam precisar de atenção:

Saguão da portaria e elevadores/escadas

Nesses espaços, acontece a maior parte da circulação das pessoas, entre moradores e visitantes.

Portanto, que a limpeza de condomínio seja realizada diariamente.

Saunas, academias, piscinas e quadras

Caso seu condomínio conte com esses espaços, é preciso muito cuidado, pois são áreas de lazer e descanso.

Para esses locais, a rotina de limpeza de condomínio precisa ser bem definida. 

Por exemplo, no inverno é uma manutenção semanal e no verão é uma limpeza diária. Claro que também vai de acordo com o planejamento.

Salão de festas

Nele, são realizados os encontros entre os moradores e os visitantes.

Para a manutenção, o importante é estabelecer a melhor frequência que mantenha o espaço limpo.

Porém, quando acontece algum evento, é necessário limpar antes e depois da realização.

Jardins e plantas

Manter um bom cronograma de jardinagem é importante para a limpeza de condomínio. 

Além da parte visual do local, o mato alto e as plantas malcuidadas podem atrair e ser esconderijo de animais perigosos, como insetos.

Identifique quais são as plantas que fazem parte do paisagismo e estabeleça com seu jardineiro a melhor periodicidade para os cuidados.

Cuidados redobrados com o lixo

Essa deve ser uma das prioridades da limpeza de condomínio. Afinal, o lixo oferece riscos de contaminação.

Certifique-se de colocar latas de lixo nos espaços comuns, separando por tipo de coleta: seletiva ou orgânica. 

Também é importante saber os dias que o lixeiro passa na região para evitar que o lixo fique acumulado. 

Contratar a empresa certa para fazer a limpeza de condomínio é um diferencial

A limpeza de condomínio é um grande desafio: é necessária uma equipe para realizar todos os serviços que são necessários. 

Por esse motivo, é vantajoso contratar uma empresa especializada em limpeza para lugares complexos.

Essas organizações oferecem todo o pacote, desde a mão de obra até os equipamentos e os produtos.

Isso facilita a administração e garante mais segurança, uma vez que são profissionais bem treinados para a função.

Escolha a melhor empresa e garanta tranquilidade para seus moradores e visitantes, sabendo que o espaço estará sempre limpo.

Conheça os serviços de limpeza de condomínio da Maria Brasileira!

Compartilhe:

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *